Escrito por 09:00 Estratégias

O que é UTM: entenda sua importância e como usar

Você sabe o que é UTM? Essa ferramenta pode ser uma grande aliada de sua marca para trabalhar a personalização e otimização da experiência do usuário em seu site, ajudando também nos resultados da sua marca.

De forma breve, através do uso de UTM é possível rastrear por qual conteúdo os usuários chegam ao seu site ou qual criativo funciona melhor na atração de clientes. Quer entender mais sobre o assunto? Vem com a gente.

O que é UTM?

UTM (Urchin Tracking Module ou Módulo de Rastreamento Urchin) são links de rastreamento que adicionam extensões específicas ao final de cada link para entender a origem do tráfego. Através da UTM, é possível saber onde foi publicado e qual o conteúdo e campanha veiculados a determinado link.

Você provavelmente já sabe que tudo que acontece no marketing digital pode e deve ser analisado e a UTM vem para contribuir ainda mais com esse fato, contribuindo não só com a captação das informações de navegação, mas também com o comportamento e as ações do usuário online.

Ilustração de uma mulher sentada navegando na internet pelo celular

O uso de UTM é uma ótima forma de acompanhar seu cliente online

Além disso, a UTM ajuda as ferramentas de análise, como o Google Analytics, a capturar os dados das diversas campanhas através dos parâmetros de rastreamento necessários de forma mais completa e detalhada – isso porque, o Analytics, por exemplo, consegue rastrear a fonte do tráfego, mas não vai além disso. Por isso, saber o que é UTM e como usá-la pode fazer a diferença em seu negócio.

Quando usar UTM?

Se tem link, a UTM pode ser usada! Ao trabalhar com marketing digital, entende-se que nada é à toa, ninguém faz um post ou um pop-up sem motivo, ou seja, tudo tem objetivo e, se tudo tem um porquê, é preciso acompanhar cada ação

Se você criar um ebook, por exemplo, é interessante entender através de qual fonte os usuários estão chegando até ele, quais campanhas têm sido mais efetivas, a taxa de cliques e até fazer testes com diferentes CTAs, cada um com uma UTM, por exemplo.

Mas não para por aí, você pode adicionar os parâmetros identificáveis em basicamente todas as suas campanhas em diferentes formatos e canais.

E onde inserir esses links?

  • Redes sociais: links parametrizados ajudam a entender o verdadeiro engajamento com a sua marca nas redes;
  • E-mail marketing: um clássico do mundo digital que também pode ser identificado. Pode ser interessante enviar conteúdos semelhantes com UTM’s diferentes para entender como a sua base reage, por exemplo, CTAs diferentes, banners com cores diferentes, e etc;
  • Materiais ricos: um material rico pode ser veiculado em diversos canais, mas só com a UTM você vai entender qual a maior fonte de tráfego e quais campanhas têm gerado mais resultados nessa captação de leads;
  • Pop-up: sim, também é possível! Será que os formulários de cadastro funcionam no seu site? Qual o comportamento do público ao se deparar com um pop-up em sua página inicial? Viu a importância de se aprofundar em o que é UTM?!

E claro, esses são só alguns exemplos das muitas possibilidades que você tem com a UTM. Quais fazem mais sentido para o seu negócio?

Ilustração de uma pessoa sendo puxada pelo celular, representando o que é UTM e como ele mostra o caminho do usuário até o site

Saber pelo que seus clientes se atraem pode ser ótimo para sua estratégia

Os parâmetros necessários

À primeira vista, um link com UTM não faz nenhum sentido para o usuário, além de ser uma URL enorme e com várias letras que pode dificultar o entendimento da necessidade de um link tão grande e complicado. Mas, se você observar, conseguirá entender que cada parâmetro ali é valioso, observe: 

https://allin.com.br/?utm_source=google&utm_medium=cpc&utm_campaign=institucional&utm_content=email_marketing – após o “&” vemos a UTM e os parâmetros que ajudam a identificar o tráfego: “source, medium, cpc, campaign, content”, já acompanhadas das informações que foram parametrizadas: “google, institucional, e-mail marketing”. 

Como mencionamos, para quem olha e entende o que é UTM já se tem uma visão geral dos principais identificadores de tráfego, mas para quem faz a UTM e consegue acompanhar os resultados gerados apenas por esse link, os dados são ainda mais valiosos e completos. Entenda melhor cada um desses termos utilizados agora e qual a importância de adicioná-los em suas URLs.

Campaign

O utm_campaign é o mais básico e um dos principais itens do link rastreável. Através dele, é possível identificar qual campanha gerou mais tráfego em um agrupamento de diferentes fontes, meios e conteúdos. No link acima, por exemplo, vemos que a campanha é denominada institucional.

Source

O source determina qual a fonte do tráfego, ou seja: Google, Facebook, Instagram, e-mail, etc. Aqui, literalmente, temos a definição de onde o usuário chegou, em qual canal ele foi impactado pelo seu link. Se repararmos no exemplo acima, a origem do tráfego foi o Google: utm_source=google.

Medium

Apesar de parecer semelhante com o source, o medium é diferente e tem outra função. O medium ajuda a entender a origem do tráfego, ou seja, qual o local que aquele link foi compartilhado

A URL pode ser compartilhada em diferentes meios dentro da mesma fonte, por isso, a utm_medium ou “cpc” é importante para analisar se o clique veio de uma newsletter, campanha paga, e-mail marketing, etc. 

Content

Aqui, a parametrização é opcional, mas pode ser uma boa opção quando falamos de testes a/b, por exemplo. Se você cria dois conteúdos semelhantes com UTM’s diferentes, formatos diferentes ou conteúdos direcionados para públicos distintos é o “content” que vai te ajudar a entender qual o tipo de conteúdo funcionou melhor. 

Ilustração de uma pessoa sendo atraída por um conteúdo online

Os usuários podem se atrair por formatos diferentes. Fique atento a qual agrada mais seu público.

Ah, é importante ressaltar que quando falamos de anúncios, os demais termos podem ser iguais, mas é o content que vai ajudar a diferenciar os formatos!

Term 

Outro item opcional mas que pode ajudar a diferenciar palavras-chave em anúncios pagos de pesquisa. Se você veicula diferentes anúncios com palavras-chave diferentes, é o term que vai te ajudar a entender com qual termo o anúncio foi exibido e converteu o lead.

Ah, para quem está começando a trabalhar com UTM, é possível experimentar o funcionamento e gerar sua URL’s de graça, através de um link disponibilizado pelo próprio Google! Além das explicações de cada uma das opções, nele você adiciona todos esses termos que também explicamos aqui e em poucos segundos ele disponibiliza o link parametrizado. Quer ver como funciona? Clica aqui e conta pra gente o que achou!

Bônus

Você já entendeu o que é UTM, a importância dos parâmetros e como utilizá-la, certo? Mas para otimizar ainda mais o seu uso, experimente trabalhar com URLs amigáveis, ou seja, que deixem claro o propósito à primeira vista e sejam mais fáceis de visualizar: as famosas URLs encurtadas. 

Com elas, você pode adicionar todos os parâmetros necessários para a sua análise de dados e ainda deixar o link de fácil compreensão, personalizando com as informações necessárias.

Otimize sua estratégia!

Agora que você já sabe o que é UTM e como implementá-la, consegue perceber como dados e inteligência estratégica são grandes aliados do marketing digital moderno? Reflita e adeque as estratégias a sua realidade para entender quais as mais valiosas para o seu negócio! 

Se interessou pelo tema? Então não deixe de mergulhar em nosso blog e conferir outras ideias e soluções que vão contribuir com os resultados da sua marca, é só clicar aqui.

Clique e descubra mais sobre possíveis soluções para otimizar os resultados da sua marca.

(Visited 12.065 times, 10 visits today)

Sharing is caring!

Última modificação: 9 de setembro de 2022
Fechar